quinta-feira, 23 de setembro de 2010

VERSOS LIVRES #08

Mais alguns poemas publicados no Versos Livres # 08 . As imagens que ilustram alguns dos poemas são de Edward Hopper.

versos oito

SEM TÍTULO
Nilza Menezes

para poeta
angústia não é
aquele lugar
onde se põe um poema triste

angústia de poeta
é quando no vazio
não cabe um poema

(Extraído do livro “Duas Palavras” Novamente recorro ao blog do amigo Selmo Vasconcelos, dessa vez para indicar a entrevista de Nilza : http://antologiamomentoliterocultural.blogspot.com/2009/04/momento-litero-cultural-entrevista_30.html )

-

SEM TÍTULO
Droos

livre ?
para que a minha
razão ande como um cachorro
sem dono pelas ruas e eu atrás ?

Dieter Roos [Alemanha] – Poeta e artista plástico. Autor de vários livros de desenhos e poemas em suábio, alemão, inglês, português e francês. Participou de exposições na África, França, Brasil, Uruguai, Argentina, Chile, Peru, Alemanha, Suíça e Estados Unidos. Atualmente vive em Divinópolis. www.droos.de

-

CARPE DIEM
Lari Franceschetto

Andaime a andaime
Tijolo a tijolo
Passo a passo
Massa à massa
Construo a casa
Da minha história

O amanhã é depois :
Eu sou agora,
A vida me convoca
E não demora
Tudo que busco
E não me basta
Agendo para agora

Mergulhado em alma
Aproveito o dia
Que o vento sopra,
A vida passa

Poeta e jornalista gaúcho, premiado em muitos concursos literários por todo o país. atualmente reside em Veranópolis, RS

hopper1

QUERUBIM
Mery Speck Thiesen

Querubim, traz prá mim
aquele amor sem fim
Que venha do céu
em forma de anjo
Corajoso e valente
Um cavalheiro existente.

Que o nosso abrigo
Tenha como cortesã mais bela
A lua cheia, tão singela.
Que acendem as velas
Abrilhentando nossa festa

Toquem os clarins ,querubins
E anunciem aqui
o amor sem fim !

Mery é uma poetisa de Santa Catarina.

-

SEM TÍTULO
Carlos Moreira

à margem da margem
imagem vira
miragem

http://carlosmoreira-silencio.blogspot.com/

-

NASCER DO SOL
Renata Paccola

Maravilha incontestável
Espetáculo indefinível
É a natureza que tenta
- Inutilmente - dar à luz
Meu espírito ainda cansado

http://www.avspe.eti.br/sonetos/RenataPaccola.htm
http://margaretcendon.sites.uol.com.br/renatapaccola.html

tumblr_kpd8tnJ8Bv1qzu4y6o1_500

ASPIRAÇÃO
Almir Carvalho Filho

Eu não quero sentir-me tão antítese
Certo/errado, mocinho/bandido
Feliz/infeliz
Não...não quero .

Quero sentir-me, apenas,
um pleonasmo :
Pleno de vida, cheio de vigor
Sempre em busca de Paz
Sempre em busca do Amor

Eu quero ser a gradação constante:
O Ínicio..o Meio.. o Fim

Não quero o chão /eu quero o ar
Não quero a terra/eu quero o mar
Não quero o ódio/eu quero amar
Não quero o mundo, vasto, imundo:
- Eu quero Deus !

Saiba mais e veja mais poemas do carioca Almir em; http://recantodasletras.uol.com.br/autor_textos.php?id=63847

Um comentário:

  1. Oie,
    adorei os poemas, acabei de ler sobre Dieter Roos e olha ali uma de suas frases, até uns minutos atrás nem sabia quem era direito. Adoro poemas, frases ... super curtido .
    beijos

    www.somandoconhecimento.com

    ResponderExcluir