sexta-feira, 26 de novembro de 2010

VERSOS LIVRES # 31 – parte 8

versos31

PATMOS
Aricy Curvello

tudo,um
em tudo,uma porção de tudo e
o sentido variável do mundo.
de uma vária forma de ser das coisas
o que sabemos:nomes das palavras
(nada a ver com nada.)
o mais: fórmulas,
álgebra,mágicas.
o caos:
o incessante reinventar
de todos os significados.
nenhum homem conhece o real.
nenhum poema fala todas as vozes.
todas as luzes são permutas de fogo.
para seres tu mesmo deves ser outro.
nós só compreendemos
va-ga-ro-sa-men-te
a velocidade da luz

O grande Aricy Curvello é referência na poesia contemporânea, como pode ser comprovado em  : http://www.antoniomiranda.com.br/iberoamerica/brasil/aricy_curvello.htmlAricy é Serra, ES
_________

O MENSAGEIRO
Arthur Filho

Não julguem o poeta.
Aproveitem, dele,
seus inspirados versos

Arthur é proprietário da Editora Opção 2, a editora dos alternativos. Também edita o jornal O Mensageiro e é cartunista.  Arthur é de Porto Alegre, RS 
Saiba mais sobre o Arthur desenhista em
http://impulsohq.com/tag/billy-the-kid/

______________

TROVA
Osael de Carvalho

Caminhando contra o vento
como dizia o cantor,
pensei, em breve momento
que felicidade é Amor !

O trovador Osael, é do Rio de Janeiro , onde edita o jornal O Literário, a mais antiga publicação da cena alternativa, circulando há mais de 20 anos, ininterruptamente .
Veja algumas poesias de Osael, ilustradas por Pat Kovacs, em
http://www.alterfannativo.hpg.ig.com.br/pages/troubadour_ilustra.htm
________________

MULHER MESTRA
Maria José Menezes 

Ser mestra é pregar o bem
espalhar luz e verdade
Ser mestra é ser mãe também
É ser paz, amor, bondade.
É a chama que ilumina
Corações abertos em flor
É fé, coragem, sã doutrina
É força do sol Criador

A escritora  Maria José , juntamente com Regina Menezes Loureiro, edita o jornal "As Acadêmicas" . Maria José é da cidade de  Bento Ferreira.Vitória.ES .

__________
mulher1

DESCONHECIDA
Adélia Einsfeldt

Sou desconhecida
      irreconhecida
entre a multidão.
Minha luz é apagada
Sigo pela estrada
Seguindo trilhas
      caminhos
Perdida estou.
A lua clara
       brilhante
Me acompanha
Todo instante
       intrigante
Andante que sou.
O amanhecer
me pega cansada
Sombras ao longe
Tento reconhecer

A poetisa e amiga Adélia é de Porto Alegre/ RS 
http://www.talentosdamaturidade.com.br/galeria/galeria-pessoal/user/adelinha

__________________

MÁS PERSPECTIVAS
Amâncio Netto

Quando o céu lhe abraçar
não sinta medo.
Se deixe cair em seus braços
e morra da queda
Essa perspectiva lhe é gratuíta

Fortaleza - CE
(in "O Céu do arco-íris tem cor de nada")
_________________

DEPOIS QUE VOCÊ  FOI EMBORA
Antonio P. Mello

Noite fria, lua cheia
Cidade deserta
Ninguém na rua, nenhum boêmio
A angústia aperta
Sofre o meu coração

Cidade vazia, noite fria
Depressão, angústia e agora ?
Na rua, ninguém...
Nenhum boêmio vadio
Meu coração chora
Ficou assim...vazio
Depois que você foi embora...!

Itararé . Santa Maria. RS .

Um comentário:

  1. Li com muita atenção, e confesso que adorei o escrito.Rendo aqui os meus sentimentos de respeito, apreço, e admiração por este blog, e fique com Deus.

    ResponderExcluir