terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

IMPRENSA ALTERNATIVA

No post de hoje, trago mais uma vez, uma publicação da cena alternativa. Dessa vez, trata-se do excelente zine " O Céu Do Arco-Íris Tem Cor De Nada " .

Digitalizar0006

O zine poético é editado por Amâncio Netto, contato : nettobyron@yahoo.com.br , Rua Raimundo Cunha, 1544, Vila Velha IV,  Fortaleza, CE, Cep 60345.151

O " Céu do Arco- Íris..." é composto basicamente por poemas de Amâncio Netto. A ilustração da capa é do próprio Amâncio.

Apoio de Banca Cultural Flor  de Emaus e de Fanzine Onde Os Heróis Se Encontram.

Confira, a seguir, alguns poemas do zine :

Varanda-2

VARANDA BRANCA
Amâncio Netto

Parada
para os lados
esbravejando cor nenhuma
fugia em verso
algum canto
um foco de época
que não fez lenda
do umbigo ao lábio
o atraso do olhar
na varanda

-

OS FICANTES
Amâncio Netto

O encontro foi repentino.
Depois se olharam
por engano.

-

CADA INSTANTE
Amâncio Netto

Cada
Instante
absorve tudo
em seu eterno
Início.

-
DELÍRIO
Amâncio Netto

"Ela me olha como alguém de peixes
quando estou triste "
( Kurt Cobain)

Tua febre
me traz delírios
quando tua face rubra
me diz gestos e sangue
e te aproximo do meu horizonte
que é azul e se cumpre

Eu espero o teu abraço.

Meu desejo um tanto infame
se espreme nas tuas decidas.

Agora passivo.

Verticalmente você me fundiu
e nos olhamos frouxos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário