segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

OCORRÊNCIA

politico3456

espectros que nos governam
ficções úteis, sociais, divinos
fantasmas
infernos de esbórnias
e prosopopéias: altas alfaias
muito terá chorado quem desprezou
as pequenas verdades policiais.

Aricy Curvello

Publicado na edição nº 33, do fanzine Versos Livres.

Aricy Curvello nasceu  em Uberlândia, Estado de Minas Gerais. Formou-se em Direito pela Universidade Federal de M.Gerais,em Belo Horizonte, período durante o qual atuou em política universitária e pró-reformas sociais, o que lhe ocasionou prisões e perseguições durante a ditadura militar (1964-1985).

Trabalha atualmente para a Aracruz Celulose, empresa brasileira que é a maior produtora mundial de celulose (matéria prima do papel) de fibra curta branqueada de eucalipto, cujas fábricas estão situadas no litoral do Espírito Santo. Vive na Praia de Jacaraípe, no município litorâneo de Serra. Integra a direção do Proyecto Cultural Sur, organização internacional de escritores com sede em Montreal (Canadá).

Foi correspondente no Brasil da revista literária portuguesa Anto (Amarante, 1997-2000), subsidiada pelo Ministério da Cultura de Portugal/ Instituto Português do Livro e das Bibliotecas. Hoje em dia, correspondente da importante revista literária portuguesa  “Palavra em Mutação”, da cidade do Porto. Integra o Conselho Editorial da revista Literatura (Brasília/DF).

Sócio da União Brasileira de Escritores (Seção de São Paulo) desde 1980, bem como da Casa do Escritor de São Roque (SP), da Sociedade de Cultura Latina de Santa Catarina (Florianópolis) e do IAT- Instituto de Artes,Ciências e Letras do Triângulo. Sócio correspondente da União Brasileira de Escritores, do Rio de Janeiro.

Tem trabalhos estampados na grande maioria das publicações literárias dedicadas à poesia brasileira no país, como tem sido também muito divulgado no exterior. E´ considerado um dos mais importantes poetas brasileiros de sua geração.

Recebeu do tablóide de cultura “O Capital – Jornal de Resistência ao Ordinário”, de Aracaju (Estado de Sergipe), o Prêmio Dom Quixote 2001, pelo trabalho de intercâmbio entre Brasil e Portugal, que há anos vem promovendo.

 Confira outras informações sobre o premiado Aricy em http://www.protexto.com.br/autor.php?cod_autor=20

Nenhum comentário:

Postar um comentário