quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

QUADRA

trem345

O trem expresso da vida
não pára nas estações,
nem dá sinal de partida,
nos levando aos trambolhões

Aparecida Mariano de Barros

Publicado na edição nº 33, do fanzine Versos Livres, editado em Guarulhos, SP. Essa quadra de Aparecida foi também publicada no jornal  Fanal , orgão de divulgação da Casa Do Poeta "Lampião de Gás".

A  C.P. "Lampião de Gás ",São Paulo, é a  mais antiga associação de poetas das Américas. Fundada, em 1948, pela poetisa Colombina(1882-1963) . Endereços para contato: Rua Álvares Machado, 22, 1º andar – Centro/Liberdade – CEP: 015030-0193 – São Paulo – Capital . E-mail: casadopoeta.lampiaodegas@gmail.com. Saiba mais em http://casadopoeta-lampiaodegas.blogspot.com/

Aparecida Mariano de Barros ocupa a  Cadeira nº 36 ,da Academia Feminina de Letras e Artes de Jundiaí . Natural de Ártemis, Piracicaba/SP. Já editou 21 livros, um deles," Jundiaí, nós te amamos,". Quatro deles foram premiados. Recebeu através da carreira literária, diversas honrarias , entre elas ; Diplomas, Troféus, e Medalhas. e o título de  Embaixatriz da Poesia Brasileira.
Classificada em concursos de poesia, entre eles, na Itália e Portugal. Tem contato, além destes, com a Grécia, França, África e já teve com o Japão.
Foi Presidente da Academia Feminina de Letras e Artes de Jundiaí, Presidente da Comissão Municipal de Folclore, Membro do Conselho Diretor da Fundação Casa da Cultura de Jundiaí, entre outras indicações. Com o livro Escada de Madeira recebeu a comenda “Machado de Assis”/RJ.
Saiba mais em http://aflaj.com.br/aflaj/membro/36/aparecida-mariano-de-barros/

Nenhum comentário:

Postar um comentário