sábado, 10 de março de 2012

MULHER DE CADA DIA

mulheres

Cada dia 
e' o dia da mulher
que trabalha
porque ama,
porque sonha.

Pelo caminho
seus pés vão firmes
em silêncio,
rompendo barreiras
de discriminação.

Vai tragando a cólera
para fortalecer a alma
e transforma'-la em orgulho
porque sonha
que as outras a acompanham
ao justo dia da liberdade
de ser cidadã
de primeira classe,
sem deixar de ser mulher!

Teresinka Pereira

Diretamente dos EUA, a poetisa Teresinka nos manda uma homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

Teresinka nasceu no Brasil e é Presidente da International Artists and Writers Association (IWA) . Recebeu da Ordem Soberana da Cavalaria de Malta São João de Jerusalém,  o título herditário de "Dama de Graça" assinado pelo Grão Prior Dom K. Vella Haber, S. O. S. J., 8 de janeiro de 1997. Em 1999, foi eleita Senadora e Embaixadora do Parlamento Internacional de Segurança e Paz. Foi  nomeada  Ministro  dos  Direitos  Humanos  na  Comissão dos Povos  Indígenas do Parlamento Internacional. Recebeu  o  Prêmio  Nacional  de  Teatro  do  Brasil, e  obteve  o título de Poet of the Year (Poeta do Ano) pela Canadian Society of Poets. Em 1989 foi eleita membro da Academia Norte-Americana da Língua Espanhola, correspondente da Real Academia Espanhola. Em 6 de outubro, 2002, recebeu o Prêmio Nacional "Valores Universais da Humanidade" na Itália. Teresinka Pereira foi indicada candidata ao Prêmio Nobel em 2005, pelo International Poetry Translation and Research Center. Em maio de 2005, recebeu a Medalha de Mérito da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro. Em 2005, recebeu a medalha Parlamentar "Sérgio Vieira de Melo", e, em 2006, o Prêmio Mundial de Poesia na China . Poeta e tradutora, Teresinka Pereira divulga a poesia brasileira entre os povos de todos os continentes, por onde sempre viaja, em busca de novas experiências de vida e de arte poética.(fonte : https://sites.google.com/site/acadfemininamineiradeletras/academicas/correspondentes/teresinka-pereira )

Nenhum comentário:

Postar um comentário