terça-feira, 19 de junho de 2012

POETA COMPETENTE

poeta-en-el-limbo

O poeta é passarinho
do mundo da poesia.
Seu gorgeio singular
Bastante nos delicia,
Como a doce luz solar
Quando vem raiando o dia

A poesia é conforto
Quando feita com carinho
É uma noite estrelada
É um florido caminho
É suave melodia
e aconchegante ninho.

Quem ouve um belo poema
E não se sente enlevado,
Por certo seu sentimento
Do corpo está exilado.
Ou tem problema auditivo
Que urge ser bem tratado.

Nossas obras de cordel
São valiosos tesouros
Que merecem receber
Uma coroa de louros,
Pelos poetas passados
E também pelos vindouros

Cícero Pedro de Assis

dedicado à Francisco Sales de Arêda.

publicado em Versos Livres nº 25.

CÍCERO PEDRO DE ASSIS nasceu em Caruaru, PE, no dia 18 de julho de 1954. Como no tempo em que tirou a certidão de nascimento residia em Gravatá, no mesmo estado, foi registrado como gravataense. É filho do Sr. Pedro Francisco de Assis ( Pedro Romão, falecido ), e de D. Maria Amara do Espírito Santo. Neto do Sr. Francisco Clemente de Assis ( Xixi Romão ou Francisco Romão ), e de D. Maria José da Conceição ( avós paternos, falecidos ), e do Sr. Manoel Teixeira de Lima ( Manoel Bazio ), e de D. Maria Tereza de Jesus ( avós maternos, também falecidos ). Tem apenas um irmão, cujo nome é Cristino. Cursou até a 3a série colegial. Fez os cursos profissionais "Impressão Tipográfica Minerva Manual", "Impressão Tipográfica Máquinas Automáticas" e "Impressãp Offset Branco & Preto". É membro da Academia Brasileira de Literatura de Cordel, onde ocupa a cadeira no 30, patroneada pelo poeta e repentista paraibano José Galdino da Silva - Duda. Pertence também a outras entidades. Participa de várias antologias e contracapas de obras de cordel. Possui duas composições musicais gravadas pelo Trio Nortista, no long play "Rapaz Pobre". Escreve nos jornais paulistanos José Bonifácio em Notícias, Cidade Tiradentes em Notícias e Gazeta da Zona Leste. Possui nove condecorações. Autodenomina-se carinhosamente Visconde da Vila Mara e Doutor Cilso. Reside na cidade de São Paulo desde 6 de fevereiro de 1970, e na Vila Mara desde abril de 1980 (fonte: http://www.recantodasletras.com.br/cordel/220046)

Nenhum comentário:

Postar um comentário