domingo, 3 de março de 2013

NÁUFRAGO

chuvad

Pela rua caminhava
indiferente,na madrugada
sem destino
na angústia da solidão
nem sentia
a chuva que caía
cabelos escorridos,
náufrago
à espera do acontecer
ao amanhecer

Adélia Einsfeldt

Rua Roque Calage, 190/211 -
Porto Alegre – RS - 91350.0920

in: Versos Livres,edição nº 34

Saiba mais em http://www.caestamosnos.org/autores/autores_a/Adelia_Einsfeldt.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário