quinta-feira, 28 de novembro de 2013

IMPRENSA ALTERNATIVA – BINÓCULO

Os textos constantes no post de hoje foram extraídos da publicação
" Binóculo", da cidade de Fortaleza, Ceará.

BINOCULO34_thumb[4]

CORREDORES NOTURNOS
Francisco Carvalho

Corredores noturnos
portas e silêncios laterais
onde fantasmas vagueiam em noites
de chuva e ondas que desenham
bordados de espuma no crepe da areia.
Corredores longos que não acabam nunca.
Sombras semeiam passos que ressoam.
Passos de regresso ao tempo
Esculpidos no vento ou no mármore.

In Memoriam.

-

AS DROGAS
Edésio Batista

Prá família é um tormento
ter um filho viciado
Que se deprime nas drogas
no submundo lançado
Perde a mãe noites de sono
vive o pai desesperado.

As repressões contra o tráfico
criadas por governantes
com detenção e cadeia
se mostraram inoperantes:
estão presos usuários
mas soltos os traficantes.

(trecho)

Edésio pertence a Academia dos Cordelistas do Crato,
cadeira nº 05

the-reading-girl

Binóculo é um caderno de leitura fundado em janeiro de 1999.
-
Editoria e correspondência :
Dias da Silva - Rua Carlos Vasconcelos,3100/602- Cep 60115.044- Joaquim Távora- Fortaleza- Ceará - email : ivonildodias@secrel.com.br - fone:(85)3257.5947
-
Batista de Lima - Rua José Alves Cavalcante, 1163 - Cep 60822.570 - Cidade dos Funcionários- Fortaleza- Ceará- email: jbatista@unifor.br - fone: (85) 3279.1752
-
Trata-se de uma publicação de resenhas de livros ,jornais e outros impressos, críticas literárias,crônicas,ensaios e poemas de diversos estilos.

Marie-louise-catherine-breslau-alemanha-meninas-lendo-1897

TROVA
Dias da Silva

É isto verdade sim
pelo mundo afora ecoa
"Gente é bicho ruím
e Bicho é que é gente boa"

-

TROVA
Zito Lobo

Não há nada mais profundo
mais belo e comovedor
nem maior poder no mundo
que um simples gesto de amor

-

TROVA
Waldir Rodrigues

Ao contemplar o universo
que me envolve e me extasia
só posso dizer em verso
que tudo é poesia

Um comentário:

  1. CONFIRA IRMÃO.....


    http://acabral177.blogspot.com.br/2013/11/fanzine-versos-livres-antonio-luis.html

    ResponderExcluir