sexta-feira, 28 de junho de 2013

UM POEMA DE JOÃO BATISTA SERRA

images

A vida seria doce
venturosa, bem risonha,
se,na realidade fosse
do jeito que a gente sonha

João Batista Serra
Caucaia- CE

Publicado na edição nº 34, do fanzine literário "Versos Livres", Guarulhos,SP

Editor de "O Patusco". Saiba mais em http://falandodetrova.com.br/patuscando

quinta-feira, 27 de junho de 2013

JOSÉ AMÉRICO DE ALMEIDA

c-1564-centnascjose-americo-de-almeida-escritor_MLB-O-178632502_609
Nascido em Areia, Paraíba, em 1887, foi um político brasileiro de renome. Sua estréia como
romancista, em 1928, com "A Bagaceira", é a primeira manifestação literária criadora do neo-regionalismo nordestino .

Dois outros romances, "O Boqueirão" (1935) e "Coiteiros"(1935), completam a pesquisa regionalista do autor. Se na "A Bagaceira" aparece a paisagem açucareira, na verdade ela é só entrevista, porque o que sobressai aí é a observação do caráter do homem da região através de um caso amoroso.

O drama sentimental, expressão dos valores da região, aparece também nos dois outros romances, em que o autor amplia a visão que nos oferece de aspectos do nordeste : a seca, o problema do amparo às populações flageladas e o fenômeno do cangaço. ( fonte : "Dicionário de Literatura", 1º volume, direção de Jacinto do Prado Coelho, 1979, Figueirinhas, Porto. )

Saiba mais em
http://marcelogveiga.blogspot.com.br/2011/05/jose-americo-de-almeida.html
http://pt.wikipedia.org/wiki/Jos%C3%A9_Am%C3%A9rico_de_Almeidahttp://www.passeiweb.com/na_ponta_lingua/livros/analises_completas/a/a_bagaceira

segunda-feira, 24 de junho de 2013

CORAÇÃO DE VIDRO

eris-discordia

Nunca pensei,
mas tenho o coração de vidro !
Imperfeito,cheio de ranhuras,quebradiço !
É por isso,que sangra !...
Embaça,às vezes,perde viço !

É por isso que sofro;
Dói tanto no meu peito !
Como consertá-lo?
Será que ainda tem jeito ?

Beatriz M.F.S. Rabelo
Vitória/ES

publicado na edição nº 34, do fanzine literário Versos Livres.

in: As Acadêmicas
R. Chafic Murad,54,Ed Paraná,apto 702,
Bento Ferreira,Vitória,ES, 29.050-660
loureiro@tribunaonline.com.br

Saiba mais sobre a publicação "As Acadêmicas", conferindo a entrevista da editora Regina Loureira , concedida ao amigo Selmo Vasconcelos em 
http://antologiamomentoliterocultural.blogspot.com.br/2011/12/regina-menezes-loureiro-entrevista-n.html

quinta-feira, 20 de junho de 2013

PAULO PEREIRA

640px-Vista_de_Santa_Maria_(RS)

Sou gaúcho rio-grandense
E cultivo a tradição
Filho de Santa Maria
A cidade coração

Paulo Pereira de Mello

in: Jornal Cultural Mensageiro
R. Espírito Santo, 232/02 - Porto Alegre/RS - 90010.370

Publicado na edição nº 34,do fanzine cultural Versos Livres, Guarulhos/SP

Como a própria quadra diz, Paulo é da cidade de Santa Maria, RS. Saiba mais sobre a cidade  do poeta em http://pt.wikipedia.org/wiki/Santa_Maria_(Rio_Grande_do_Sul)

quarta-feira, 19 de junho de 2013

ACRÓSTICO DE RESSURREIÇÃO

pintura-a-oleo-sobre-tela-jardim-das-oliveirasa

Venceu na cruz a morte e está no Céu ao lado do Criador
Escuta as nossas orações e se manifesta
Não há entre nós e Deus outro Mediador
Cearemos à mesa Contigo alegres na grande festa
Entronizado Jesus Cristo é digno de muitos louvores
Diante de Ti pedimos que com Sua mão nos adestre
O Senhor é glorificado pelos seus adoradores
Redime os pecados dos arrependidos tornando-se Seu Mestre.

Justo e Santo que considera cada obra importante.
Edificador que sempre zela por sua igreja.
Sabendo que seus servos precisam de Ti a todo instante
Ungido que envia seus anjos com nossas bênçãos numa bandeja
Salvador das almas é somente Cristo, o Filho do Deus Vivo.

Coroador dos que perseverarem até encerrar a carreira
Rei dos Reis que se responsabiliza pelos seus escolhidos
Indo o Senho na nossa frente destruindo as barreiras
Somos ja bem guardados pelo sangue do Cordeiro
Todo Poderoso tem nas mãos as chaves da morte e do inferno
Ordena e tudo Lhe obedece porque é o Deus Verdadeiro

Adriana Ribeiro Vieira

Publicado na edição nº 34, do fanzine Versos Livres, editado em Guarulhos/SP

A gaúcha Adriana é da cidade de Poá e uma das mais ativas colaboradoras do Versos Livres.

Ilustração : Márcio Camargo

domingo, 16 de junho de 2013

a olho nu

t14285

meu olho, quando mergulha em teu olho, não vê: contempla.
é um ver mais nítido, que se admira ante achados e pedidos no fundo cristalino.
é um [m]olhar de êxtase, imerso nas transparências que a menina do teu olho vai despindo.

Valéria Tarelho

publicado no Livro da Tribo 2012/2013, Ed. da Tribo

http://valeriatarelho.wordpress.com

Condições de uso e reprodução da obra :
© valéria tarelho. é permitida a reprodução dos textos em blogs, sites pessoais e afins, desde que informada a autoria. qualquer finalidade de uso diversa, necessita de autorização expressa da autora. é vedada qualquer espécie de modificação ou adaptação do conteúdo, bem como a criação de obras derivadas. proibido o uso para fins comerciais.

quarta-feira, 12 de junho de 2013

EMAILS RECEBIDOS

No post de hoje, textos enviados para o endereço eletrônico do fanzine Versos Livres. Textos, críticas e sugestões podem ser enviadas para touche.sp@uol.com.br. Serão sempre benvindas.

-

POEMA DE NATAL
Rogério Salgado

janela-bus5-1

Pela janela do apartamento onde moro
vejo um Bom Velhinho
chegando na noite de mágica
trazendo em sua sacola vermelha
- entre tantos presentes -
minha ilusão de ser feliz sempre.

Assim eu, adulto
faço dessa noite incomum
uma realidade verdadeira
não deixando que a criança
que habita em mim
morra criança ainda
antes de crescer.

(Poema extraído da Parte I do livro, "Sais" dedicado aos leitores)

Seguindo a sugestão de Rogério ,vejam artigos e fotos sobre o lançamento do livro "SaiS" em blogs de amigos  , clicando nos links abaixo;
http://www.carlosramalho.com.br/2012/04/lancamento-do-livro-saise-tontinho-do.html
http://lecypereira.blogspot.com.br/2012/04/poeta-rogerio-salgado-lancou-sais-e.html
http://www.cafofodakatita.blogspot.com.br/2012/04/o-poeta-felino-de-garras-afiadas.html
www.poetamarciaaraujo.blogspot.com
www.brendamars.wordpress.com
http://cristianolimablog.blogspot.com.br/

-

PRIMEIRO DE MAIO, 2012
Teresinka Pereira

captura-de-tela-2012-05-03-c3a0s-14-23-25

Primeiro de maio
e' o dia do trabalhador
imigrante,
do ser humano
que carrega consigo
uma quota de miseria
porque o chamado de "Sonho Americano"
foi para si irrealizavel
como uma promessa nao cumprida.

Trabalhador sem trabalho:
o rumo de seus passos
e' o muro injusto
que leva a rubrica
daquele que atravessa
fronteiras proibidas
para nada mais que
uma troca de patroes.

tpereira@buckeye-express.com;

-

ser poeta

A poesia é conforto
Quando feita com carinho.
É uma noite estrelada.
É um florido caminho.
É suave melodia
E aconchegante ninho.

Cícero de Assis
cordelistacicero@yahoo.com.br

trecho do poema de corde  Poeta Competente ,do nosso amigo Dr. Ciso.. Leia o restante do poema ,bem como a biografia do poeta  em http://www.recantodasletras.com.br/cordel/170871

-

Agradeço ao Meu caro amigo Adão Wons  pelo envio do jornal Cotiporã Cultural,  e pelo intercâmbio sempre enriquecedor. No editorial do nº 39, ele diz  : "não existem barreiras que as letras e as palavras não consigam solidificar ". Confiram todas as edições do Cotiporã Cultural em  http://adaowons.blogspot.com.br/p/cotipora-cultural.html. Dá prá ler e baixar.

domingo, 2 de junho de 2013

A POESIA NO OLHAR : AAGAARD

15-0044

O artista dinamarquês Carl Fredrik Aagaard nasceu  em 31 de janeiro de 1833, em Odense e  morreu em 11 de novembro de 1895, em Copenhagen.

8361564_fullsize

Sua obra  "O anfiteatro na Sicília " foi exposta  no Museu de Copenhague, em 1895.

90870543_3623822_Aagaard_Carl_Frederick8

Outros trabalhos famosos incluem "Na Floresta" exposta em Reykjavik, Islândia, 1880 e "Sunset na Saltholm" , em Aarhus Museum ; 1889. 

AAGAARD-Carl-Frederik-2

As obras de Carl Fredrik Aagaard têm sido freqüentemente expostos em toda a Europa e muitos de seus trabalhos são mantidos em galerias nacionais em todo o mundo.

AAGAARD-Carl-Frederik