sexta-feira, 24 de outubro de 2014

A LUA ME DISSE

 aurea.seganfredo.fine.art.lua.dos.amantes.oil.on.canvas._n

Essa madrugada, a lua me sorriu,
com o mesmo sorriso que abres quando me olhas.
Preguiçosa, no céu,
esticou braços invisíveis,
como teus braços,
quando enlaçam meu corpo
envolvendo minha pequena estrutura,
na imensidão do teu peito.
Inquietas,
as pernas se expandiam no firmamento,
procurando, incessante minhas pernas,
e num balé esquisito, pareciam dançar.
Sorriso no rosto redondo,
braços e pernas,
perdidos na imensidão dos pensamentos,
na minha memória remota,
na minha memória recente,
a confundir meus pensamentes,
a fundir os corpos,
misturando realidade e fantasia,
alimentando o desejo incessante,
que não descola.
A lua, permanecia em seu lugar,
imóvel aos meus olhos,
mas articulada em meus pensamentos,
perdidos em você.

Valentina Fraga

Ilustração:  Auréa Seganfredo , A Lua dos Amantes
http://aureaseganfredo.blogspot.com.br/

Confira os textos da grande Valentina Fraga, publicados no site Usina de Letras, entre eles,  artigos, cartas, contos, crônicas, ensaios, erótico,frases, humor, letras de música ,poesias , textos religiosos, em
http://www.usinadeletras.com.br/exibelotextoautor.php?user=valentina

e no blog Valentina Fraga, Contos e Poesia , http://valentinafraga.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário